Chute no vácuo: Valdívia x Jorge Henrique; Palmeiras x Corinthians


Depois desta última partida entre Corinthians x Palmeiras, que decidiu o Brasileirão 2011, cheguei a uma conclusão definitiva sobre a rivalidade que envolve os dois clubes.

O campeonato para o Palmeiras é ganhar do Corinthians, e o objetivo do Corinthians é ganhar títulos.

O Palmeiras a muito tempo não é campeão, e sua torcida se empolga e se contenta em ganhar do Corinthians. Não importa o título, vaga para Libertadores, etc. O que importa é o rival Corinthians. 

Nesta última partida, os jogadores do Palmeiras jogaram como nunca, fizeram o que não fizeram o ano inteiro. A diretoria inventou um "bixo dinossauro", para o time atrapalhar o Timão a ser campeão, e a torcida palmeirense torceu com se fosse um título. O Dr. Allan então.........

Já o Corinthians não se importa de ganhar do Palmeiras, o Timão tem sede de títulos. Já são 8 títulos nacionais e 1 Mundial em 21 anos, fora os paulistas.

E o Timão quer mais.

Já o Palmeiras, quer se manter entre os grandes, ganhando os confrontos diretos, e os vexames para os outros times são normais, tipo os 6 x 0 para o Coritiba.

O objetivo do Palmeiras é ser figurante e estragar a festa dos protagonistas. Pegar carona com os campeões.

Olha o lutador que o Palmeiras adotou:


Lamentável.......


O chute no vácuo do Jorge Henrique e a reação violenta dos jogadores do Palmeiras, é fruto desta obsessão verde de prevalecer contra o rival. Após o final da partida, o goleiro palmeirense Deola agrediu um torcedor corintiano que o provocou. Valdívia abriu a janela do ônibus do time, para cuspir em torcedores do Corinthians. 

Porco.

O lance mais importante da história do Palmeiras para os palmeirenses, foi a defesa irregular do goleiro Marcos na cobrança de pênalti do Marcelinho Carioca, na semi-final da Libertadores da América de 2000, que eliminou o Timão da disputa.

Já o Palmeiras perdeu a final e perdeu o título, mas o que mais marcou foi eliminação do rival.

O Palmeiras é um time de figurantes, talvez isso, explique tanta necessidade de auto-afirmação.

Quando o Palmeiras tinha a sua chamada Academia de Futebol, momento celebre do clube, ele não era o principal time do Brasil, perdia para o Santos.

Na chamada segunda Academia, na década de 90, graças ao dinheiro e a influência do seu patrocinador, o time alvi-verde ganhou vários títulos, mas não superou o SPFC como campeão da década.

Não ganhou mais paulistas que o Corinthians, não tem mais Libertadores que o SPFC e o Santos, não tem título mundial, não tem mais brasileiros, nem Rio-São Paulo, etc, mas os palmeirenses se consideram o campeão do século.

Depois de 40 anos, conseguiu um fax que reconhece que o Palmeiras foi campeão brasileiro duas vezes em 1967. 

Nesta mesma onda, requisitou da FIFA, o reconhecimento de um tal torneio de 51, que eles entendem que vale como um título mundial. Interessante que o clube só se mobilizou para o reconhecimento, 50 anos depois, após o Corinthians conquistar o seu primeiro Mundial em 2000.

O Palmeiras não tem a maior torcida, não tem mais títulos, não tem o melhor estádio, etc., e quer ser melhor que os outros, não vivendo a sua própria história, mas pegando carona na história alheia. Mentalidade de colônia, que está no clube desde de sua origem.

Abaixo segue a comparação dos dois times:

Andres Sanchez x Belluzzo = com certeza Andres

Itaquerão x Arena Palmeiras = Itaquerão (estádio d Copa)

Fiel Torcida x Porcada = Fiel, não dá nem pro cheiro

Campeonatos Rio-São Paulo = Corinthians

Campeonatos Paulistas = Corinthians

Campeonatos Brasileiros = Corinthians

Copa do Brasil = Corinthians

Campeonato Mundial = Corinthians

Libertadores = Palmeiras, por enquanto

Roberto Pedroza = Palmeiras

Taça Brasil = Palmeiras    

Arrecadação = Corinthians

Patrocínio = Corinthians

Valor da Marca = Corinthians

Chute no Vácuo = Jorge Henrique, Penta Campeão Brasileiro!!!!!!

Auto-estima = Corinthians. Corintiano não vive de títulos, corintiano vive de Corinthians!!!!!

Vai Corinthians!!!!!

#vivemosdecorinthians

6 comentários:

  1. Quando eu penso que você evoluiu eu quebro a cara né Dr. Du?
    AIUHAUHAUHAUHA

    Eu vejo em você um problema de auto afirmação!

    Tu me acusa de anti corinthiano e eu fiz na história 1 post sobre o Corinthians.

    Dei os parabéns pela conquista, continuo afirmando que são nossos rivais, gosto de ver os clássicos que são sempre pegados, enfim respeito o Corinthians como instituição e time.

    Mas voce? Voce gosta mais é de falar do Palmeiras do que do seu time...rs Nunca vi coisa igual!!

    Agora inventou um ranking com comparativos que só existe na sua cabeça....rs
    Como comparar estádio se nem estão prontos? Como comparar torcida sendo que cada um defende seu time?
    Compara presidentes que 1 deles nem está mais no cargo?
    Rio-São Paulo tanto Palmeiras quanto Corinthians tem 5 conquistas, sendo um do Corinthians dividido.
    Do "mundial" tu sabe que eu sou defensor da lógica e por isso considero o 2000 como um campeonato onde vocês foram convidados e entraram pelos fundos, em 1951 (que não precisamos de carimbo nem convite pra jogar) haviam os melhores do mundo naquela época, se você também não concorda tudo bem, agora comparar uma competição de 2000 com uma de 1951 abre precedente para derrubar sua tese de que as taças brasileiras que ganhamos (assim como Santos, Botafogo, Bahia, Fluminense e Cruzeiro) tem o mesmo peso...Lembro que para mim e para TODOS os estudiosos e criticos do futebol elas TEM o mesmo peso!! Você joga o bulmerangue sem saber que ele volta né? kkkkk

    Aaaa Du, me poupe....ou melhor NOS poupe dessa mesma ladainha de tentar diminuir o indimunuível!
    PALMEIRAS é PALMEIRAS você gostando ou não!

    Outra coisa, você acabou de ganhar 1 titulo nacional muito importante e perdeu tempo para escrever seu maior post desde então falando mau do time que nem considera rival de vocês é?
    Outra contradição tremeeeenda meu amigo.
    Você está se perdendo no seu mundo de Bob.
    Controle-se!

    ResponderExcluir
  2. Palestra Rio6.12.11

    Esse gambá gosta mesmo é de falar do PALESTRA. LIMPA SUA BOCA SEM DENTE PRA FALAR DO PALESTRA MULAMBO.
    Incomodamos vcs demais!
    Chupem a manga de comemorar seu quinto título enquanto nos esbaldamos com oito, O I T O.
    Quem sabe em mais 50 anos cheguem perto da SOBERANIA PALESTRINA.
    Pare de falar do Palestra e se resuma a comentar essa joça que vc chama de time.
    Para galinhada mando a frase do palestrino CAP NASCIMENTO:
    NUNCA SERÃO!
    Obs: curintiano e flamenguista é tudo a mesma m...... vivem de falar mal dos adversarios, ohhhhhhhhh racinhaaaaaaa

    ResponderExcluir
  3. Ainda não o li o texto, pois estou ocupado agora, mas pelo comentário do Dr.Allan, certamente o Dr.DU mais uma vez está com a razão, e só está tentando defender o Corinthians dos ataques e difamações. E quem inventou esse drible foi o Valdívia, acontece que pimenta no olho alheio é refresco. Até mais!

    ResponderExcluir
  4. Pablão, do drible não tem o que falar sobre o uso, a diferença é que o Valdivia usa como recurso técnico e o faz quase que em todas as partidas, sempre na busca de espaço, não deve-se usar drible algum para menosprezo, o Jorge Henrique fez para provocar e a briga nasceu dai.
    Odeio violência e muito mais a desenfreada irresponsabilidade de desencadea-la....
    Imagina se sai um "fight" ali de torcidas com mortos ou feridos, pura besteira essa atitude!

    Eu sou contra atitudes como essas, tipo o jogo não era final (só o corinthians tinha objetivo), por ser clássico já tinha a pimenta necessária ai o cara foi lá e elevou a rivalidade a um nível não necessário.

    Eu sou do tipo que quando jogava bola (estou afastado por um probleminha de saúde mas 2012 que me aguarde...rs) usava diversos recursos pela facilidade de driblar... Agora NUNCA fiz isso ganhando o jogo e na beira do campo pra levantar briga, acho que amador já é falta de respeito, imagina um profissional?

    Ganharam o título e já os parabenizei por isso, agora a atitude do clone do Romário (Só na aparência diga-se de passagem) foi lamentável!

    ResponderExcluir
  5. Dr.Allan, concordo que o JH fez o lance por pura graça e sem intenções de avançar no lance, e dar objetivo ao mesmo. Mas cá entre nós, o que o verdão ganhou com isso? Pra que apelar daquele jeito, será que eles se esquecem das comemorações provocativas que Valdívia fez em 2007 se não me engano, fazendo um sinal de chôro em um goleada por 3-0 sobre o Corinthians? Ninguém foi bater no cara por isso, me lembro bem. São lances provocativos, porem é preciso um bom senso. Respondessem na bola, é isso o correto. Se fosse contra o meu time aquele lance, eu não acharia legal ver os jogadores apelando pra agressão, ficaria envergonhado. E o Luan, pq não foi expulso ao chutar o JH? Penso assim: Apesar de algumas coisas serem provocativas, o jogador que está com a bola nos pés tem o direito de fazer dela o que bem quiser. O adversário que seja competente e desarme de maneira leal. Mas foi mesmo um lance desnecessário, que ao invés de ser ignorado, teve o tamanho aumentando, pela reação do Palmeiras.

    ResponderExcluir
  6. Parmera adotar esse Sonnen é o fim da picada! Fanfarrão sem graça, vai tomar um coro do Anderson Silva que vai ficar uns 4 dias procurando os dentes!

    ResponderExcluir

Obrigado por seus comentários, nosso consultório sempre estará de portas abertas!